O Direito à Preguiça- Paul Lafargue

O direito à preguiça de Paul Lafargue edição EBOOKS BRASIL Clique aqui!

Paul Lafargue foi genro de Karl Marx, casando-se com sua segunda filha Laura. Uma curiosidade é que ele publicou este ensaio anos depois de Marx lhe escrever desaprovando seu relacionamento com sua filha e lhe dizendo que ele por ser um homem tropical era por isso preguiçoso e não lhe queria com sua filha.

O Direito à Preguica é um panfleto político escrito por Paul Lafargue que polemiza com as visões liberais,conservadores e até marxistas do trabalho. Foi publicado no jornal socialista L’Égalité em 1880

À época, em Paris, a jornada de trabalho superavam as 12 horas diárias (por vezes estendendo-se até à 17 horas). Tal coisa ocorria pois seguia-se a doutrina que dizia que o trabalho era algo dignificante e benéfico.

O panfleto é polêmico pois discute um pecado capital como direito, escolhido de forma proposital como forma de discutir a dominação através da religião, assumindo o trabalhador como uma figura ligada a Deus. Contra essa convicção muito difundida por diversos escritores, Lafargue denuncia a “santificação” do trabalho debochando dele como um “dogma desastroso”.

Trecho:
“A moral capitalista, lamentável paródia da moral cristã, fulmina com o anátema o corpo trabalhador; toma como ideal reduzir o produtor ao mínimo mais restrito de necessidades, suprimir as suas alegrias e as suas paixões e condená-lo ao papel de máquina entregando trabalho sem tréguas nem piedade”.

Anúncios

Sobre Douglas G. Fernandes

Professor de História graduado pela UNIMESP e Filosofia graduando pela UNIFESP. Autor do Portal Alexandria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: