Estranha aparição de Freud com Piaget póstumos.

collage piaget freudDiálogo póstumo de Freud com Piaget- literatura e teoria

Certo dia, estava eu a mediar uma intrigante discussão teórica no porão da minha mente. Perturbado por inquietações externas, fui então me refugiar no local mais tranquilo dentre os tranquilos, peguei meus livros e fui para o cemitério ler em plena a calmaria de uma tarde solene. De tanto ler adormeci, acordei em um lugar diferente daquele em que eu estava e percebi que a tarde estava se intercalando com a noite, ao escutar o som de vozes, me escondi por detrás de uma lapide e avistei em uma mesa, cartas de baralho e fumaça de cigarro, de frente a mesa estava dois senhores de aparência respeitosa porem com roupagem antiquada, um deles, que tinha barba e cigarro em uma das mãos, dizia com grande ímpeto

-Pois bem, eu concordo com você, a inteligência no ser humano é algo desenvolvido socialmente porem não determinada em sua totalidade pelo meio, como se o sujeito fosse um recipiente vazio a ser preenchido!

E o outro de cabelos brancos como o algodão replicava. – Ora, pois não estou discutindo com você, foi isto que eu disse, e acrescento. Tão pouco a inteligência é um produto inato no ser humano, como se esperasse o tempo certo de desabrochar e fluir! Na minha concepção, a inteligência é desenvolvida por estágios cronológicos que a potencializa biologicamente, esse potencial de conhecimento será desenvolvido na interação do indivíduo com os objetos e a sociedade, promovendo maior poder de abstração e representação por intermédio da língua, dos sonhos e da própria concepção que o sujeito constrói do mundo ao seu redor.

-Ah meu afável companheiro. Percebes a sua falha – assim retrucava o outro – ao combinar o componente biológico a sua teoria, você está apenas tentando encobrir a minha teoria. Pois digo, a sexualidade é o princípio de toda busca, é através da sexualidade que a criança se introduz no descobrimento de si mesma, tentando realizar seus próprios desejos e posteriormente transferindo a libido no toque afetivo com a mãe ou o pai, de modo que um adulto saudável é aquele que teve melhor interação afetiva e estrutural em sua infância, é esta interação social que lhe permitirá o mecanismo de sublimação, o que se compara ao mecanismo de equilibração ao qual você já mencionou, bem, mas isso é outra estória, concorda meu solícito amigo Piaget.

Quando ouvi aquele nome fiquei pasmo, e concluí o que já suspeitava, o homem de barba e cigarro na mão era Siguimund Freud e o de cabelos brancos e sotaque francês é Piaget. Ao desvelar de minha euforia, fui descoberto e sai correndo desesperado. Foi quando cai e perdi a consciência e acordei no lugar em que havia adormecido.

 Desde então procuro estudar somente nas bibliotecas ainda sim com muito receio.  

Douglas G Fernandes

Este foi um trabalho elaborado no ambiente universitário, com o intuito de demonstrar diferentes modos de se expor uma teoria. Procura-se com este provar que a elaboração teórica deve-se estender interdisciplinarmente, seja no campo das artes plásticas, literatura, teatro, musica cinema entre outros.

Anúncios

Sobre Douglas G. Fernandes

Professor de História graduado pela UNIMESP e Filosofia graduando pela UNIFESP. Autor do Portal Alexandria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: